Sobre a era da informação


A má informação é mais desesperadora que a não-informação. (Charles Colton)

O conhecimento que antes era acessível a uma minoria letrada, hoje se encontra disponível a todos. Só é preciso um computador com internet e saber fazer uma boa pesquisa no Google. Mas será que vivemos mesmo numa “era de conhecimento”? Há quem diga que o que se está multiplicando é a informação e não o conhecimento. Conhecimento tem relação com a união de teoria e prática, é quando alguém domina de fato o objeto cognoscível. Já a informação é diferente do conhecimento.

Na era da informação, o conhecimento profundo das coisas tem ficado cada vez mais raro. Fenômenos como as redes sociais lançam uma enxurrada de informação sobre as pessoas e quase nada se aproveita para “conhecer” de verdade. Tudo é muito raso, nada profundo! Estamos cada vez mais fartos de informação e vivendo na escassez de conhecimento. As mídias tanto podem ser usadas para informar como para proporcionar conhecimento às pessoas. O problema é que o conhecimento requer busca, pesquisa, atenção e estudo profundo, enquanto a informação circula de maneira rápida, as vezes inverídica e superficial. Informação pode ser entretenimento para a maioria, conhecimento pode continuar sendo ainda privilégio de poucos.

Na “era da convergência midiática”, também chamada de “era da informação” ou “era do conhecimento” aumenta-se as chances de saber. Temos a nossa disposição a informação que pode se transformar em conhecimento por meio de diversos meios. Acredito que o conhecimento vem depois da informação que é apropriada e dominada por meio de pesquisa e muito estudo. É a apropriação que ajuda na produção de conhecimento, na transformação de uma simples informação em experiência e domínio. A convergência midiática auxilia nesse processo de construção e produção de conhecimento no momento em que propicia oportunidades de acesso, sejam eles visuais, audiovisuais, sonoros e de uma multiforme variedade de saberes. E assim a informação vai se transformando em conhecimento.

Anderson Luiz Batista

Anúncios

Obrigado pela opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s